Hoje comecei a despedir das pessoas que foram as minhas semanas e meses pelos últimos 2 anos.
No próximo mês começo um novo desafio, uma baita responsabilidade e tantas, tantas novidades…

Vou morrer de saudades de tantas pessoas.. O que eu tenho é muito mais do que colegas de trabalho. É uma família, que eu sei que posso contar a toda hora. Aprendi a gostar de cada um de um jeito singular. Descobri novos amigos de infância e aprendi a rir de toda uma nova maneira. Aprendi a ser mais eu, acreditar mais nas coisas e ainda estou apredendo a ser mais tolerante..

Ju, Vi, Iara, Gui, Dani… Vocês representam tão mais do que acham e vou levar vocês pra sempre…

No que eu escrevo e penso, meus olhos já se enchem d’água…

Além de toda essa emoção, de mais um almoço com lembranças pra uma vida, olho para o calendário, e não posso deixar de falar.. do aniversário de duas pessoas tão importantes na minha vida, que não seria, nem de perto, tão feliz… Mari e Vô, amo vocês com a certeza que posso contar sempre, com a certeza de que, com vocês, tudo parece melhor.

Aquela conversa de madrugada porque nenhuma consegue dormir, ou aquele jogo de buraco numa tarde de sábado… As coisas simples podem ser perfeitas. Porque vocês estão lá.

E ao reler isso, me lembro de todos os meus amigos e tenho certeza que sou a pessoa mais feliz do mundo… Tudo isso com música. Muita música, que é pra parecer menos melancólico e emotivo..

Ufa! Vou recuperar o fôlego e volto depois.

Anúncios