Mãe: Minha filha, seu telefone não está recebendo chamadas

Filha: É o que acontece quando não se paga a conta…

M: Conta? Mas ele não é de linha, é? Não é daqueles pre-pagos? De quanto é a conta?

F: é plano controle.. são duas de $105 e depois passa pra $40. Acho que vou mudar pra cartão depois..

M: Você tem que pagar R$ 210,00? Tá louca?

F (começando a ficar sem paciência mas tentando levar na boa)
: Não. to esperando eu ter dinheiro mesmo..

M: Mas não entendi como você conseguiu acumular uma dívida deste tamanho; se é plano controle, não seria cortado seu acesso e você ficaria só recebendo ligações? Me explica como funciona. (Pegou o drama? “acumular dívida deste tamanho”.  São du-zen-tos reais.)

F: Eu fiquei só recebendo. mas aí venceu a 2a e eles bloquearam.
É plano controle. $40. mas tinham 2 parcelas de troca de celular. (adoro trocar de celular)
Quando eu pagar, volta ao normal.. e aí saio do controle..

M: “E aí saio do controle” é uma boa frase prá você… Você sempre sai do controle! Você é doida demais… (novamente, DUZENTOS REAIS.)

F: saio do PLANO controle, mãe.

M: Não quero mais falar sobre isso. Fico deprimida quando vejo que você insiste em ser irresponsável e inconsequente. Gostaria de ajudar, mas não posso. E não devo. Está chegando a hora de você assumir seus atos. (Drama, drama, drama)

F (com a falta de paciência chegando ao limite): Não to sendo nada irresponsável. Tenho a conta pq ia dar pra pagar. Mas sai — (do emprego). To fazendo freelas e quando eu receber eu pago. Você que perguntou. Eu não pedi pra ninguém pagar por mim. O MEU telefone ta bloqueado pq EU vou pagar quando der. Acho que isso é assumir meus atos.

E o e-mail descansa por hoje…

Anúncios